segunda-feira, 15 de abril de 2013

Verve

Sei que a vida é curta.
Mas vai que essa luta
mesmo que tão dura
de algum modo nos conserve?

Sei que a luta é dura.
Mas vai que uma vitória
mesmo que sem cura
na memória nos preserve?

Sei que luto pouco.
Mas vai que eu fique louco
a ponto de ver parte
desse sonho que nos ferve?

Sei que não sou louco.
Mas vai que eu seja um pouco
e tudo o que sei
na verdade não nos serve?

E quando eu digo nos
estou mesmo a te incluir,
pois diante da loucura
começamos a sorrir - o que comprova! - :
fazes parte desta verve.

domingo, 14 de abril de 2013

A Dica

Afaste-se,
fuja para o alto da montanha.
Dou-lhe a dica, por não ser completo monstro
mas sou monstro só além da própria dica...
fuja,
como rei que abdica.
como o resto do mundo
que nunca fica.

Mas se tens em ti
o mesmo sonho bandido
então renegue os conselhos
de qualquer desconhecido!
Aceite minha voz que retifica
traga sua alma que medica
porque dentro de mim
há um monstro, sim
porém um filhote
que por ti, suplica.